You are currently viewing Governo libera empréstimo de R$ 3 mil para cidadãos negativados

Governo libera empréstimo de R$ 3 mil para cidadãos negativados

O governo federal emite empréstimos de até R$ 3.000 para cidadãos negativados. A Microfinança Digital Empreendedora também atende os beneficiários do Auxílio Brasil. O crédito é uma parceria entre o governo e a Caixa Econômica Federal por meio da Caixa Tem. O pedido entrou em vigor em 28 de março.

O Digital SIM (Digital Microfinance Simplification Scheme for Entrepreneurs), conhecido como Modelo de Microfinanças, presta serviços aos empreendedores individuais e aos Empreendedores Individuais (MEI).

As condições para assinatura de um cartão SIM digital são regulamentadas pelo Decreto nº 660 do Ministério do Trabalho de 28 de março de 2022.

Segundo informações do presidente da Caixa, Pedro Guimarães, até o momento o negócio está registrado e o valor médio do contrato para quem tem limite de crédito nos primeiros 20 dias do programa é de 778,31 reais.

Operações oferecidas pelo SIM Digital

A Condição SIM Digital foi lançada como iniciativa do Programa Receita e Oportunidades do Governo Federal e oferece duas operações:

Pessoas físicas: Para essas pessoas físicas, o empréstimo é liberado a partir de 300 reais​​ e pode ser aplicado em até 1000 reais com taxa de juros mensal de 1,95% a 3,60% e parcelas de 12 a 24 meses.

A operação também funciona para quem tem nomes sujos, mas é importante notar que há limites para o endividamento. Em 31 de janeiro de 2022, a dívida do tomador não pode ultrapassar R$ 3.000. Financiamento imobiliário não é considerado.

Microempreendedores Individuais (MEI): Para esse público, estão disponíveis empréstimos que variam de 1.000 a 3.000 reais, com taxas de juros mensais que variam de 1,99% a 3,60% e prazos de parcelamento de 18 a 24 meses.

Como solicitar o crédito

É importante observar que a finalidade do empréstimo será solicitada ao solicitante. O indivíduo deve ter interesse em se tornar um empreendedor autônomo ou uma carreira informal.

Além de apresentar comprovante de residência e documentos pessoais e empresariais, os MEIs devem estar ativos há pelo menos 12 meses para solicitar o empréstimo.

Beneficiários do Auxílio Brasil também podem solicitar empréstimo, mas segundo a Caixa é necessário atualizar o cadastro no aplicativo Caixa Tem.

Para pessoas físicas, o microfinanciamento será fornecido pelo aplicativo Caixa Tem. A análise do pedido pode demorar até uma semana.

Para Microempreendedores Individuais (MEI com CNPJ), o contrato deve ser firmado em uma agência da Caixa. Necessário comprovante de residência e documentos pessoais e da empresa.

O governo espera que o microfinanciamento beneficie 4,5 milhões de empreendedores.