You are currently viewing Saiba como ser aprovado em um financiamento automotivo

Saiba como ser aprovado em um financiamento automotivo

Na pesquisa realizada no final de 2019, 88% dos brasileiros pesquisados ​​indicaram que pretendiam trocar de carro no ano seguinte. A maioria dessas pessoas não teria dinheiro suficiente para comprar um carro novo ou usado, então precisaria financiar um veículo para tornar esse sonho realidade.

Há muitos detalhes para discutir em torno da obtenção de financiamento aprovado pelos bancos. Descrevemos esses detalhes neste artigo, incluindo as vantagens e desvantagens de diferentes tipos de crédito, como aumentar suas chances de obter financiamento e dicas sobre como aplicar.

Na hora de escolher um empréstimo, é fundamental levar em consideração o prazo de pagamento, a confiabilidade do banco e o número de parcelas. Isso porque este é um enorme compromisso financeiro que pode levar a problemas no futuro se for escolhido de forma leviana.

empréstimos de carro precisam ser explicados tecnicamente. Ler isso fornecerá uma boa explicação.

O que é um financiamento de carro?

No Brasil, as pessoas podem obter empréstimos de instituições financeiras públicas e privadas, como bancos e cooperativas de crédito. Um tipo de empréstimo que eles podem obter é o financiamento de carro, que é um tipo de empréstimo usado para comprar um carro novo, usado ou usado.

Ao comprar um carro, os compradores geralmente fazem um pequeno pagamento inicial. Chamado de adiantamento, isso permite que eles financiem o saldo restante do veículo. Por exemplo, se um carro custa R$ 35.000,00 e o comprador tem R$ 10.000,00 reservados, ele pode fazer um adiantamento e financiar os R$ 25.000,00 restantes.

Como ele funciona?

Um empréstimo de carro pode ser obtido em um curto período de tempo. Muitas pessoas optam por financiar seu veículo com a ajuda de crédito de diversas fontes. Alternativamente, eles podem financiar seu veículo em 12 meses. No entanto, quem não quer gastar muito tempo fazendo pagamentos no carro pode estender o financiamento por até 48 ou 60 meses. Ao fazer isso, aumentam o custo total do empréstimo devido aos juros cobrados ao longo do tempo.

O que é avaliado para conceder um financiamento?

As instituições financeiras consideram várias preocupações antes de dar fundos. Embora o processo de aprovação seja rápido, diferentes bancos têm diferentes métodos de avaliação. Isso pode resultar em tempos de registro variados.

Os principais fatores considerados ao julgar um pedido de crédito são descritos abaixo:

Renda mensal alta é melhor.
as chances de aprovação de uma marca de carro dependem de sua idade e popularidade no país.
O financiamento inclui contratos de seguro automóvel.
O carro é um bom preço quando comprado pela primeira vez.
Um carro mais novo significa mais tempo gasto no carro, o que se traduz em melhor tempo de uso do carro.
Um valor de carro baixo é melhor do que um alto.

Como facilitar a aprovação do financiamento de carro?

A explicação abaixo é um detalhamento de como os bancos consideram fatores importantes ao aprovar crédito. Confira!

Os serviços de proteção ao crédito fornecem um nome limpo.
Um nome limpo prova ao mundo dos negócios que você é confiável. Isso não significa que alguém com um nome sujo não seja confiável; às vezes as pessoas passam por uma breve dificuldade financeira que leva à inadimplência.

Para determinar a solvência, empresas privadas como o Serviço de Proteção ao Crédito ou a Serasa Experian analisam as informações fornecidas pelos credores. Os credores fornecem informações sobre os consumidores que não pagam as contas em dia.

As empresas desconfiam de lidar com qualquer pessoa que tenha um registro de devedores. Isso ocorre porque eles temem não receber os pagamentos em dia. Consequentemente, muitas pessoas acreditam que entrar no SPC ou Serasa – como o público chama – é difícil de se recuperar.

Obter financiamento de veículos quando você tem uma reputação ruim é difícil. Muitas vezes, isso ocorre porque os atrasos nos pagamentos são causados ​​por circunstâncias como perda de renda que forçaram alguém a parar de assumir compromissos.

Bom score

Uma pontuação é algo que todo mundo tem; mesmo que não percebam. O mercado financeiro avalia as pessoas com base em diversos fatores, como pagamentos de empréstimos, histórico de crédito e renda. Essas pontuações podem variar de 0 a 1.000; quanto maior a pontuação, mais confiança as empresas financeiras têm nelas. As empresas financeiras avaliam seus clientes com base nessas pontuações para que possam oferecer melhores taxas e produtos.

A Serasa Experian é a empresa responsável pelo score de crédito brasileiro. Os bancos no Brasil frequentemente contratam a Serasa Experian por causa dos dados a que têm acesso. Essas informações são valiosas ao tomar decisões como emprestar ou não dinheiro aos clientes.

Antes de pedir um empréstimo de carro em qualquer lugar, é aconselhável verificar sua pontuação online gratuitamente. Tudo que você precisa fazer é criar uma conta com a empresa e inserir certas informações. Consultar sua pontuação no site da empresa dá uma ideia de como o mercado percebe sua situação financeira.

A pontuação considera os seguintes itens:

Uso do cheque especial — aceitar muitos empréstimos, créditos e outros compromissos financeiros pode diminuir sua nota.
Ter um cheque especial diminui a pontuação de crédito porque é um tipo de crédito. No entanto, o uso regular de um cheque especial indica falta de liquidez ou dinheiro disponível.

Sempre pagar suas contas em dia ajudará a evitar que seu nome seja adicionado às listas de crédito do Serasa ou do SPC. Isso diminuirá o tamanho geral da sua pontuação de crédito em uma quantidade significativa. Além disso, evitar grandes compromissos financeiros que você não pode pagar garantirá que você não acabe endividado. Não basta aumentar imediatamente a pontuação ao pagar uma conta. A pontuação diminui rapidamente quando um boleto vence e não retorna ao valor anterior após ser pago.

Nome negativado — o uso excessivo de seu cartão de crédito pode afetar negativamente sua pontuação de crédito. Para evitar isso, tente usar apenas uma pequena parte do seu crédito disponível por vez.

Apresentar comprovante de renda — os bancos se preocupam em fornecer financiamento para as pessoas que podem pagar as parcelas mensais. Para garantir isso, eles exigem que os candidatos comprovem que têm uma boa renda. No entanto, é inútil ter uma fonte de renda verificada se o banco não puder verificá-la.

Renda comprovada

Para garantir um empréstimo, é crucial formalizar quanto dinheiro você ganha mensalmente. Muitos profissionais informais conseguem ter sucesso no mercado sem um contrato formal. No entanto, muitos deles conseguem ganhar mais do que as pessoas com empregos formais.

Ao aumentar a taxa de juros, as instituições de crédito assumem muito risco ao conceder empréstimos. Por causa disso, eles geralmente não acham o processo interessante para quem empresta o dinheiro.

Bom valor de entrada

O processo de arrecadar dinheiro para comprar um carro é complexo e difícil para qualquer um realizar. No entanto, ter um valor interessante para inserir é vantajoso por vários motivos.

Ao pedir dinheiro emprestado, suas chances de aprovação aumentam. Além disso, o dinheiro emprestado resulta em parcelas mensais mais suaves. Isso permite que os mutuários paguem seus empréstimos mais rapidamente, sem ter que fazer pagamentos adicionais.

O ideal é pagar pelo menos 50% do valor do carro como entrada. Alternativamente, pagar pelo menos 30% do valor do carro adiantado é uma boa segunda escolha. Isso evitará que o financiamento se estenda por muito tempo ou fique muito caro ao longo do tempo.

Redução no preço do carro

Ao comprar um carro, é possível negociar um preço mais baixo, mesmo que o carro não seja popular ou sofisticado. Negociar custos fica mais fácil se você entender o processo de venda de carros e um pouco sobre o mercado de veículos.

Os vendedores geralmente pressionam os clientes com táticas desonestas para fazer uma venda. Um exemplo disso é quando um vendedor diz a um cliente que “outros estão interessados ​​neste carro” na tentativa de pressioná-los a tomar uma decisão rápida. Eles também podem alegar que o preço do item é válido apenas para aquele dia ou que o preço aumentará amanhã – ambas afirmações que não devem ser acreditadas. Qualquer pessoa que compre um carro usado ou novo deve ignorar essas alegações e evitar ser pressionada a vender.

Os vendedores pressionam os compradores porque aproximadamente metade dos compradores de carros interessados ​​não retornam após a primeira visita à loja. A partir desse fato, alguns vendedores tentam passar esse estresse para os compradores.

É importante lembrar que os vendedores de carros não perdem dinheiro ao oferecer um desconto. Muitos revendedores de carros usados ​​obtêm lucros exorbitantes, o que lhes permite oferecer descontos substanciais nos preços. Ao comprar um carro, não se sinta culpado por pedir um desconto. Em vez disso, considere o fato de que o vendedor ainda ganhará muito dinheiro após a negociação.

O vendedor tentará vender o que eles acharem que você pode pagar. Você ainda deve considerar a quantidade de dinheiro que deseja gastar, mas é melhor manter essa informação para si mesmo. Essencialmente, isso ocorre porque o vendedor sempre tentará vender algo pelo preço ou acima do preço que você está disposto a pagar.

É possível negociar um bom negócio em um carro fechando a venda nos últimos dias do mês. Isso ocorre porque muitos vendedores de carros têm metas que precisam cumprir, o que facilita o fechamento de negócios quando eles têm um tempo limitado.

Como escolher o financiamento ideal?

Escolher o melhor financiamento exige que você considere vários fatores. Há um aspecto crucial do financiamento de automóveis que a seção anterior não aborda: escolher a melhor opção para suas necessidades. Discutiremos isso abaixo.

Prazo

Ao considerar um empréstimo ou outra forma de financiamento, você deve considerar mais do que apenas a duração dos pagamentos. Você também deve considerar se pagará mais a cada mês ou pagará menos a cada 30 dias. Além disso, você deve considerar a rapidez com que deseja concluir o processo de financiamento.

Bancos diferentes cobram taxas de juros diferentes, mas todos adicionarão uma taxa ao empréstimo. Quanto mais tempo demorar para pagar o empréstimo, mais dinheiro será adicionado pelo banco em taxas de juros.

Valor das parcelas

Ao solicitar financiamento, o custo mensal de cada fatura não pode ultrapassar 30% da sua renda. Mais importante ainda, o valor de cada parcela nunca deve ser superior a 30% de sua renda total. Isso ocorre porque os credores usam isso como uma métrica para determinar se alguém recebe ou não crédito. Ao considerar o fato de que os pagamentos seriam superiores a 30% de sua renda, há uma boa chance de que o financiamento seja negado.

Para obter financiamento de veículo, deve-se pagar uma parcela mensal de pelo menos R$ 90. Isso ocorre porque o custo dos empréstimos é baseado em parcelas quinzenais. Qualquer pessoa que ganhe $ 300 por mês pode fazer um pagamento mensal maior dividindo-o em dois pagamentos iguais. No entanto, a maioria das pessoas opta por se comprometer com um pagamento mensal maior. Muitos têm despesas adicionais como moradia, alimentação, telefone e internet. Outros podem ter custos adicionais para cuidados de saúde ou educação.

Taxas de juros

No Brasil, as taxas de juros têm um papel significativo em duas modalidades de financiamento de carros: CDC e leasing. Em ambos os casos, as taxas de juros são calculadas com base na taxa Selic controlada pelo Banco Central do país. A taxa Selic flutua com frequência e dramaticamente dependendo do clima econômico do país. Recentemente, a taxa Selic foi reduzida para estimular o investimento empresarial e a tomada de crédito entre as empresas.

Os efeitos da taxa Selic – a taxa de juros anual no Brasil – incluem mudanças nas taxas de juros para empréstimos de carros. Isso pode ser benéfico para quem está pensando em comprar um carro; em 2019, um veículo de US$ 40.000 custaria aproximadamente US$ 4.100 a menos se financiado em 60 meses pelo CDC.

Seguro

Financiar um carro requer conhecimento de alguns detalhes importantes. Um desses detalhes é a contratação do seguro; isso garante que alguém possa pagar as parcelas em caso de doença, invalidez ou mesmo morte. Sem seguro, qualquer financista perderia seu patrimônio se não fosse financeiramente responsável – que geralmente é um membro da família ou herdeiro.

Nunca é necessário comprar seguro ao pedir dinheiro emprestado, mas é altamente recomendado. Isso pode protegê-lo no caso de perder o emprego ou sofrer uma queda na renda. Isso pode dificultar o pagamento de contas mensais e pode até levar a circunstâncias mais graves. Com o seguro adequado, essas perdas podem ser mitigadas — desde que sejam comprovadas — e seus pagamentos não precisarão ser interrompidos.

Confiabilidade no banco/financeira

Fazer um empréstimo de fontes não confiáveis ​​pode ser extremamente perigoso. Se você tiver problemas para pagar as parcelas, por exemplo, pode acabar na máfia ou ter que pagar juros mais altos. O melhor a fazer é obter um empréstimo de uma instituição financeira de confiança e bem conhecida na área.

Antes de firmar um contrato de financiamento de carro, certifique-se de que o banco ou instituição é credenciado pela FEBRABAN. Além disso, deve ter uma boa reputação com seus clientes para se beneficiar desse conselho. Ao fazer negócios com essas instituições, procure estabelecer um relacionamento transparente que garanta os direitos de seus clientes.

Os pontos principais do artigo são se você gostou do conteúdo. Como complemento, o artigo explica por que alguém precisaria esclarecer os detalhes de uma solicitação de empréstimo de carro aprovada. Além de ter informações incompletas, outros motivos pelos quais os empréstimos são negados incluem ter informações vencidas ou não atender aos padrões de renda mínima exigidos. No entanto, essas questões podem ser resolvidas pela parte interessada.

Pequenas coisas como esquecer de pagar uma conta podem afetar negativamente sua pontuação de crédito. Além disso, escolher uma marca de carro pode tornar o processo muito mais difícil. Incluímos pontos principais no texto para ajudar a tornar o processo de solicitação de um carro mais fácil e rápido.

Antes de comprar um carro, é crucial planejar financeiramente. Ninguém compra um item valioso como um carro da noite para o dia; pelo menos, não deve ser decidido da noite para o dia. Você deve prever a renda futura, determinar os recursos disponíveis e avaliar sua capacidade de pagamento das parcelas.